14 de jan de 2012

5.º Ciclo de Seminários de Musicoterapia 2012



A Associação Portuguesa de Musicoterapia vai promover o 5º Ciclo de Seminários de Musicoterapia durante o ano de 2012.
Este Ciclo incluirá seis seminários teórico-práticos tendo como objectivo: sensibilizar e informar a comunidade profissional, e o público em geral, sobre as aplicações clínicas da Musicoterapia em diversos contextos institucionais de saúde e intervenção psicossocial em Portugal.
Os seminários terão lugar aos sábados, com uma duração de seis horas, entre as 10h00 e as 17h30.
Calendário dos seminários

Introdução à Musicoterapia - 25 Fevereiro
Formador: Artur Malícia Correia

Musicoterapia no tratamento da depressão e ansiedade - 24 Março
Formadora: Teresa Leite

Intervenção Musicoterapêutica no Autismo - Abertura de canais de comunicação - 28 de Abril
Formador: João Carlos Laureano

Musicoterapia em Ambiente Hospitalar - 26 Maio
Formadora: Teresa Leite

Musicoterapia e o Envelhecimento Activo - 23 Junho
Formadora: Helena Sousa.

Musicoterapia e Psicodrama: complementaridade em processos terapêuticos individuais e de grupo - 7 Julho
Formadores: Artur Malícia Correia e João Paulo Ribeiro

DESTINATÁRIOS: Profissionais e estudantes das áreas da saúde, educação e intervenção social, tais como: médicos, psiquiatras, psicólogos, técnicos de serviço social, psicopedagogos, terapeutas ocupacionais, enfermeiros, professores, educadores de infância, educadores sociais, animadores, entre outros.
HORÁRIO: 10h00-13h00 e 14h30-17h30

LOCAL DE REALIZAÇÃO
Associação Portuguesa de Musicoterapia
Rua Freitas Gazul, 34, loja 5 - Campo de Ourique - 1350-149 LISBOA
Telefone: 933242678 - E-mail: apmt.musicoterapia@gmail.com; Site: www.apmtmusicoterapia.com

TRANSPORTES:
Eléctrico: 25-e 28-e
Autocarro: 74 e 701
Informações/inscrições
As inscrições deverão ser feitas online para: http://www.surveymonkey.com/s/GT6NJFN, junto com o comprovativo de pagamento enviado para o email da Associação Portuguesa de Musicoterapia: apmt.musicoterapia@gmail.com
O pagamento deve ser efectuado por transferência bancária para o NIB: 0036 0168 99100002786 15 (ASS PORT MUSICOTERAPIA), até 48h antes do dia do seminário.
A inscrição só será efectiva após o pagamento ter sido recebido e confirmado. Valor não reembolsável em caso de desistência
Preços:

Por seminário (6h)
Estudantes e sócios da A.P.M.T.: 35.00€
Não sócios e profissionais: 50.00 €

Pelo ciclo de semanários (seis seminários)
Estudantes e sócios da A.P.M.T.: 175.00€
Não sócios e profissionais: 250.00 €
Mais informações contacte: apmt.musicoterapia@gmail.com

Programa - Ciclo de Seminários 2012

Introdução à Musicoterapia – 25/02
Formador
: Artur Malícia Correia
Resumo: Este seminário teórico-prático, tem como objectivo proporcionar uma experiência vivencial da musicoterapia em grupo, proporcionando um contacto com a identidade sonoro musical de cada pessoa (e do grupo), bem como dar a conhecer as suas aplicações terapêuticas. O programa deste seminário pretende introduzir os participantes nos conceitos e aplicações da musicoterapia, suas técnicas, abordagens terapêuticas, actividades musicais, entre outros. Recomenda-se a frequência deste seminário introdutório para a posterior frequência de outros seminários.
Musicoterapia no tratamento da depressão e ansiedade – 24/03
Formadora:
Teresa Leite
Resumo: A musicoterapia, na sua vertente psicoterapêutica, tem vindo a ser cada vez mais aplicada no tratamento da patologia dos afectos e da ansiedade. Este trabalho é geralmente feito em sessões individuais e centra-se sobretudo na exploração pessoal acompanhada e num processo de "musicar a dois" que dá forma aos desafios emocionais e relacionais do paciente. Neste workshop iremos falar um pouco de depressão e da ansiedade, para depois proporcionarmos aos participantes uma jornada experiencial de exploração dos seus pontos de significação pessoal e de encontro terapêutico, exercitando técnicas de redução de stress e auto-reflexão através da música.

Intervenção Musicoterapêutica no Autismo - Abertura de canais de comunicação – 28/04
Formador: João Carlos Laureano
Resumo: A intervenção clínica em sujeitos com perturbação do espetro do autismo é difícil na medida em que o acesso ao verbal está gravemente comprometido e o valor metafórico da palavra, quase não existe.
Estão sempre presentes, neste tipo de perturbação, dificuldades ao nível da relação, da comunicação e do pensamento simbólico, o que dificulta uma intervenção psicoterapêutica tradicionalmente verbal.
A Musicoterapia aparece-nos como uma disciplina de grande potencial relacional e da comunicação, permitindo a acessibilidade ao sujeito com autismo, desenvolvendo a sua espontaneidade e relacionabilidade em contexto terapêutico e promovendo a intencionalidade comunicacional no prazer da relação.
Neste seminário será abordado o Autismo à luz da clínica e da saúde mental infantil, enquanto motor do desenvolvimento e como a Musicoterapia é importante e eficaz nestes contextos.
Musicoterapia em Ambiente Hospitalar – 26/05
Formadora: Teresa Leite
Resumo: Um dos settings onde a Musicoterapia se tem vindo a tornar mais útil e ao menos tempo mais difícil de implementar é o meio hospitalar. Neste tipo de setting, o musicoterapeuta poderá realizar um tipo de trabalho que complementa e facilita os procedimentos, mas também poderá recorrer à Música para proporcionar apoio emocional e permitir a mobilização de recursos internos ao paciente com patologias mais graves. Este é um seminário introdutório sobre a intervenção da Musicoterapia em setting hospitalar, que incluirá a apresentação de casos clínicos e a identificação de aspectos da hospitalização que poderão sofrer significativas alterações para melhor com a intervenção da Musicoterapia

Musicoterapia e Envelhecimento Activo - 23/06
Formadora: Helena Sousa
Resumo: O termo "envelhecimento activo" é uma das metas da Organização Mundial de Saúde (OMS), com o objectivo de proporcionar à população idosa um envelhecimento com maior dignidade, oportunidades, assistência à saúde e segurança, tornando assim essa etapa da vida, uma boa experiência de cuidados e de bem-estar.
Sendo a Musicoterapia uma terapia auto expressiva com forte incidência nas funções cognitivas, contribui directamente para o envelhecimento activo, já que proporciona aos idosos o contacto com o seu poder criativo, com as suas potencialidades, memórias e histórias de vida, fortalecendo assim a identidade de cada indivíduo. Contribui também para conservar a estabilidade emocional/ factos dolorosos da vida (perda de familiares e amigos), evita o aparecimento de quadros depressivos e retarda a evolução de processos demenciais.

Musicoterapia e Psicodrama: Complementaridade em processos terapêuticos individuais e em grupo- 07/07
Formadores: Artur Malícia Correia e João Paulo Ribeiro
Resumo: Propomos a utilização de um novo espaço terapêutico, a relação psicodrama - musicoterapia, no qual integramos técnicas do psicodrama e da musicoterapia.
Pensamos que a complementaridade entre estas técnicas permite potencializar os benefícios terapêuticos de cada uma destas terapias, facilitando a expressão afectiva e o desenvolvimento de papéis atrofiados ou pouco desenvolvidos.
As técnicas do psicodrama e as experiências musicais em musicoterapia serão usadas em inter-complementaridade. A direcção do workshop será alternada entre os dois terapeutas que o realizam, consoante a técnica utilizada pertença ao psicodrama ou à musicoterapia, e haverão momentos de co-direcção, quando as técnicas destas duas psicoterapias forem utilizadas em simultâneo.

Nota curricular formadores

Artur Malícia Correia: Psicopedagogo, Vice-Presidente da Direcção da APMT - Associação Portuguesa de Musicoterapia, tem desenvolvido trabalho de intervenção musicoterapêutica em pessoas com doença mental crónica e/ou em situação de reabilitação psicossocial, problemas de adição, perturbações globais do desenvolvimento e dificuldades de aprendizagem. Desenvolve projectos de intervenção comunitária na área da promoção da saúde, desenvolvimento de competências pessoais e sociais em crianças, jovens, pais e grupos com especificas necessidades psicossociais.

Helena Sousa: Assistente Social, Membro da Direcção APMT - Associação Portuguesa de Musicoterapia, tem desenvolvido experiência de trabalho em áreas como: terceira idade, psiquiatria, acção social, saúde mental e toxicodependência em Instituições Privadas e Públicas. Na Musicoterapia trabalha há cerca de 9 anos com pessoas idosas em projectos de desenvolvimento pessoal e relacional, desenvolvimento de competências sociais e também projectos para idosos que apresentam patologias como: demências várias, Parkinson, acidentes vasculares cerebrais, estados depressivos em geral, incapacidades várias, etc. Tem desenvolvido o seu trabalho ao nível individual e em grupo, tanto no domicílio como em várias Instituições do Concelho de Cascais.

João Paulo Ribeiro: Psicólogo Clínico. Membro da SPPPG - Sociedade Portuguesa de Psicodrama Psicanalítico de Grupo. Desenvolve trabalho enquanto Director e Ego Auxiliar de grupos terapêuticos de Psicodrama no Instituto Superior Miguel Torga (Grupo de Intervenção e Investigação em Psicodrama Psicanalítico do Núcleo João dos Santos), no Bairro Padre Cruz e na Clínica "Esfinge". Psicoterapeuta nas Clínicas "Repetição e Diferença" e "Surgimed", psicoterapeuta em consultório privado.

João Carlos Laureano: Licenciado em Psicologia Clínica e do Aconselhamento pela ULHT (2004), Membro da Ordem dos Psicólogos Portugueses (OPP); Formado em Terapias Expressivas - Musicoterapia, pela FMH; Membro da Direcção APMT - Associação Portuguesa de Musicoterapia, Trabalha no Ensino Especial (Colégio Eduardo Claparède) enquanto Musicoterapeuta desde 2004. Trabalha no Instituto de Terapias Expressivas enquanto Psicólogo Clínico e Musicoterapeuta desde 2004.
Colaborou num projecto de intervenção em musicoterapia com a APPDA, em salas de Ensino Estruturado, com crianças e jovens do espectro do Autismo, no ano lectivo 2010-2011.
Dinamiza regularmente acções de sensibilização, workshops e conferências dirigidas à saúde mental e desenvolvimento infantil e juvenil.

Teresa Leite: Doutorada em Psicologia Clínica, Mestre em Musicoterapia. Psicoterapeuta, musicoterapeuta – Consultório: Centro em Si, Lda.
Professora Associada na Universidade Lusíada de Lisboa (Psicologia Clínica, Psicologia das Artes, Musicoterapia); Coordenadora do Mestrado em Musicoterapia.
Supervisora de Acolhimento para a Infância e Juventude – ISS, plano DOM
Presidente da APMT; representante de Portugal na EMTC